Uma análise cognitiva entre a emergência de padrões em narrativas infantis e elementos do pensamento computacional – ThinkTEd

Uma análise cognitiva entre a emergência de padrões em narrativas infantis e elementos do pensamento computacional

18 de agosto de 2020

RESUMO

Muito tem sido dito sobre a importância do desenvolvimento do Pensamento Computacional como uma competência cognitiva essencial, mas, seriam essas características inatas ou não? Neste trabalho é investigado se em narrativas infantis, na criação de histórias, emergem padrões correlacionados às variáveis consideradas essenciais para o desenvolvimento do Pensamento Computacional, com base nos processos de aprendizagem (epistemologia genética), a partir da neurociência cognitiva e da abstração reflexionante, para a compreensão dos processos mentais de crianças. Foram utilizados métodos mistos durante o processo, sendo parte experimental, com uma amostra de vinte e sete indivíduos que compuseram dez narrativas. Resultados preliminares apontam para a emergência de um padrão, mesmo nas histórias que podem ser classificadas como sem roteiro, que se enquadre nas possibilidades de contar história pelo Scratch 2.0 e, também, nos pilares do Pensamento Computacional – decomposição, padrão, abstração e algoritmo.

Referência Bibliográfica

de Sousa Pires, F. G., Duarte, J. C., da Silva Pessoa, L., dos Santos Pereira, K. S., Melo, R., & de Freitas, R. (2018, October). Uma análise cognitiva entre a emergência de padrões em narrativas infantis e elementos do pensamento computacional. In Brazilian Symposium on Computers in Education (Simpósio Brasileiro de Informática na Educação-SBIE) (Vol. 29, No. 1, p. 1193).